NoIndex Link

A arte de receber

0

Não há como fugir das datas comemorativas. E nesta época do ano, ficamos às voltas de jantares e encontros, com amigos e familiares, que pedem uma atenção especial. E como receber bem é uma arte – independente do estilo -, lembre-se de que para elaborar uma recepção agradável, não é preciso pompa e sim uma boa dose de criatividade, carinho e atenção, para que os convidados se sintam bem-vindos.


VIBE ESCANDINAVA. O estilo oriundo dos países nórdicos, forte tendência na ambientação de interiores, foi o mote para a criação deste espaço concebido pelo designer Ramiro Mendes. A mesa ganhou um tom mais invernal, além da companhia de adornos que remetem à atmosfera escandinava, como figuras e ilustrações de cervos, velas, porta-retratos em corda, tapeçaria… As fibras e os galhos secos entram em cena para aquecer e adicionar um toque natural.


SENSUAL E DRAMÁTICO. O exercício de receber bem é uma entrega total, essa paixão pode ser vista no ambiente da arquiteta Liana Santana para a Casa Cor Ceará 2016, em que o tom intenso do bordô divide cena com o mobiliário de design, compondo um décor que exala sensualidade. A iluminação indireta, refletida nas diversas partes do inusitado painel de espelhos, aguça as percepções do visitantes.


Já nesta imagem, o ambiente, da Altamoda, apresenta ares rebuscados com os elementos vindos do estilo barroco, onde velas, castiçais, espelho e o pendente de cristal insinuam uma forte sensação de dramaticidade.


RÚSTICO CHIC. Elegância também é sinônimo de simplicidade. No ambiente, da Marchi Group, a proposta é receber de forma descontraída e envolvente, tirando partido do uso de materiais naturais e “desgastados” aliados à sofisticação dos móveis de época, numa harmoniosa fusão de estilos. O toque de verde e a luz abundante, vinda do exterior, trazem frescor e luminosidade para os momentos agradáveis ao lado de boas companhias.


APELO TROPICAL. As férias convidam a receber com descontração e um toque do tempero regional. A exemplo desta composição, assinada por Carlos Zaranza, que lançou mão de elementos tropicais, como tons vivos, frutas e texturas naturais, para reinventar e trazer ânimo à decoração, numa proposta moderna e original, ideal para ambientes outdoor.

Compartilhe.

Deixe Uma Resposta