NoIndex Link

De cara nova – Por Gina Paiva e Aline Almeida

0

Há cinco anos, a família entregou a ambientação do generoso apartamento de 500 m² a Gina Paiva e Aline Almeida, que trabalharam espaços amplos, integrados e elegantes, com o propósito de resistir ao tempo. Agora, ao sentirem necessidade de renovar os ares da morada, os clientes novamente confiaram o projeto às arquitetas, que já conheciam bem suas personalidades.

ANTES

Para repaginar o lar de antigos clientes, Gina Paiva e Aline Almeida investiram em sensações diferenciadas a partir da inserção de novas cores, estampas e texturas, trazendo intensidade à ambientação sem deixar de lado a sofisticação do programa anterior.

DEPOIS

O mix de cores e estampas trouxe mais dinamismo ao living atual. A começar pelo banco, que ganhou estofado floral e se destaca ao lado do cinza do sofá e da poltrona pistache, passando a dividir a atenção com a tela de Rian Fontenele – esta permanece em destaque sobre o painel madeirado. O tapete (Bete Cunha Tapetes) e as almofadas ganharam estampas geométricas (Ouvidor Tecidos). Os adornos também se tornaram mais contemporâneos.

ANTES

Como melhorar algo que já era bonito? No projeto original, as cores neutras – sofá bege e os adornos em dourado garantiam a atmosfera elegante e sóbria do living. O painel madeirado aquece o ambiente, destacando o quadro de Rian Fontenele.

DEPOIS

ANTES

A varanda funcionava como perfeita extensão da sala, preservando a neutralidade da paleta. Tapete em tom fendi e detalhes em madeira favoreciam o aconchego, enquanto toques de coral, em almofadas e adornos, quebravam a monotonia das cores.

DEPOIS

Na varanda, novo estofado e almofadas coloridas acentuam o frescor da cor verde.

ANTES

DEPOIS

A sala de jantar ganhou ares ainda mais elegantes com a inserção de uma nova estampa. Ali, a extensa mesa para 12 lugares em laca preta agora se destaca com o novo tecido geométrico P&B das cadeiras (Ouvidor Tecidos). A composição se torna ainda mais sofisticada com o espelho bronze ao fundo. A luminária de design arrojado foi mantida, reafirmando o estilo contemporâneo. Ao lado, o open bar
em ônix iluminado era um dos destaques do programa anterior e manteve-se como um dos focos de
atenção no projeto atualizado.

ANTES

Beges, marrons e dourados predominavam no décor anterior, garantindo a sobriedade em todos os ambientes da área social. O home theater (Studio Vip) não era diferente, trabalhado em paleta de cor neutra para manter a unidade visual do projeto, com sofá e tapete na mesma tonalidade para alcançar uma proposta discreta e elegante. Móveis em vidro demarcavam o recanto do home cinema e destacavam bancos de design e adornos personalizados.

DEPOIS

O espaço do home theater ficou ainda mais convidativo com o novo tecido do sofá, que quebrou a monotonia dos tons neutros e favoreceu um cenário mais descontraído ao recanto de entretenimento. O tapete (Bete Cunha Tapetes) assumiu cor mais neutra, camuflado no branco do piso, mas mantendo textura macia que conota aconchego. Os móveis de apoio em vidro (Galpão D) permanecem, garantindo a estética leve e contemporânea.

ANTES

A ala íntima mantinha a paleta neutra da decoração e as texturas macias, trazendo aconchego e elegância para o quarto de casal. Peças de efeito, como a escultura da parede e tapetes, conferiam efeitos visuais interessantes, sem pesar.

DEPOIS

O aconchego continua pautando o décor do quarto. As colchas (Ouvidor Tecidos), em cores e estampas mais modernas, trouxeram novos ares para a ala íntima. Escultura e tapetes orientais (Bete Cunha Tapetes) são elementos atemporais mantidos.

Compartilhe.

Deixe Uma Resposta